Desde 1928 a fazer automóveis de conforto. Os novos Citroën C4 e ë-C4 – 100% ëlectric dão continuidade à longa e profícua tradição Citroën no segmento das berlinas compactas.

Os números falam por si: mais de 12.500.000 automóveis deste segmento vendidos em 92 anos, com nomes que ficaram na história do automóvel, como o primeiro Citroën C4, em 1928, os Ami 6 e Ami 8, o GS e o GSA, o BX, o ZX, o Xsara, os C4 de 2004 e de 2010 e as duas gerações do C4 Cactus. 

Desde 1928 que a Citroën cobre as necessidades dos clientes que procuram automóveis dotados de grande conforto, amplo aproveitamento interior, comportamento dinâmico irrepreensível, design elegante e uma fiabilidade a toda a prova. 

O segmento C é o mais importante do mercado europeu. Trata-se de uma categoria tradicionalmente dominada por berlinas médias, um tipo de veículo em que a Citroën nunca deixou de inovar e apostar, com uma estética e um desempenho únicos. Uma vocação de rutura da Marca que perdura há mais de 10 gerações de modelos históricos.

Esta tradição nasceu com o espírito inovador do próprio André Citroën no C4 de 1928, e prosseguiu com a estética única dos Ami 6 e Ami 8 desenhados por Flaminio Bertoni. Nos anos 70, o conforto e o excecional comportamento em estrada dos GS e GSA estabeleceram uma nova referência, reforçada pelo visual moderno e tecnológico do BX nos anos 80 e pela fiabilidade do ZX nos anos 90. No século XXI, a Citroën soube marcar a diferença com a habitabilidade do Xsara, a polivalência e a tecnologia dos C4 de 2004 e de 2010 e a personalidade única dos C4 Cactus. Uma trajetória que alcança agora uma nova etapa com os novos Citroën C4 e Citroën ë-C4, que encarnam o espírito e os elementos que tornaram única esta grande família de automóveis.

ZX
novo E C4
novo C4
Citroën Xsara Picasso
Citroën GS
C4 Cactus

Citroën C4 – 1928

Apresentado em 1928, o primeiro Citroën C4 deu início à tradição das berlinas compactas da Marca. Confortável e elegante, foi produzido em larga escala, totalizando mais de 243.000 unidades. Na sua época, destacou-se pelo seu comportamento em estrada e pela sua fiabilidade, tendo sido, por isso, dotado do sistema semilagarta Kegresse para integrar o Grupo Pamir da Expedição Cruzeiro Amarelo. 

Citroën Ami 6 e Ami 8

Lançado em 1961, o Ami 6 demarcou-se pelo seu design atípico, da autoria de Flaminio Bertoni. O seu peculiar óculo traseiro invertido permitiu combinar habitabilidade e uma bagageira espaçosa num formato de dimensões compactas, a que adicionava ainda um nível excecional de conforto para o seu segmento. Em 1969, surgiu o Ami 8 como uma versão modernizada do Ami 6, com uma linha de tejadilho mais suave. A produção total do Ami 6 e do Ami 8 alcançou 882 mil unidades a nível mundial. 

Citroën GS e GSA

Apresentado em 1970 e eleito Carro do Ano na Europa em 1971, o GS foi elogiado pelo público e pela imprensa devido ao seu nível de conforto digno de uma limusine, design aerodinâmico e elegante, e aos controlos interiores revolucionários para a época, altamente ergonómicos e extremamente acessíveis. Graças, sobretudo, à sua suspensão hidropneumática que lhe oferecia o conforto de tapete voador, tornou-se rapidamente no modelo mais confortável da sua categoria. O GSA, uma versão redesenhada e modernizada do GS original, possuía uma quinta porta traseira para facilitar as operações de carga e descarga da bagageira. Entre o GS e o GSA, foram vendidas 1.994.000 unidades das respetivas versões berlina.

Citroën BX

Apresentado em 1982 junto à Torre Eiffel, em Paris, o Citroën BX adotou um estilo moderno e original e destacou-se pelo seu conforto e excelente desempenho dinâmico. Dispunha de versões de alto desempenho, como o BX GTi 16 V, que podia alcançar uma velocidade máxima de 220 km/h. Desenhado por Marcello Gandini, o BX foi mais um Citroën à frente no seu tempo, tanto em matéria de mecânica como de design e ergonomia. 

Citroën ZX

Lançado em 1991, o ZX impunha-se sobre a concorrência pelo seu comportamento dinâmico, principalmente graças ao seu eixo traseiro autodirecional que anulava a inércia do trem traseiro em curva, ao seu conforto de suspensão e à sua habitabilidade, ao combinar um interior amplo com dimensões compactas. Foram vendidas mais de 2.465.000 unidades das suas diferentes versões berlina de 3 e 5 portas, sem esquecer a versão berlina de 4 portas exclusiva para o mercado chinês.

Citroën Xsara

Apresentado em 1997 e acompanhado de uma campanha de lançamento associada à top model Claudia Schiffer, o Citroën Xsara foi um marco importante na história da marca no mercado europeu, tendo liderado as tabelas de vendas em alguns países. Evidenciou-se graças aos seus equipamentos de segurança, à versatilidade e ao conforto numa elegante carroçaria de “2 volumes e meio” tipicamente Citroën. No conjunto das duas versões de carroçaria – berlina de 5 portas e Coupé de 3 portas – foram vendidas 1.343.000 unidades. 

Citroën C4 (Gerações 2004 e 2010)

A geração de 2004 do Citroën C4 exprimiu a ousadia da Marca em termos de design e tecnologia. Inovador e moderno, foi comercializado em diferentes carroçarias: 5 portas, 4 portas e um Coupé de 3 portas muito original, com o óculo traseiro dividido em duas secções separadas por um apêndice aerodinâmico. Além do tabliê e da instrumentação de conceção futurista, foram estreadas neste modelo inúmeras inovações ao serviço do conforto, com destaque para o volante de centro fixo, os faróis de xénon direcionais ou o sistema de alerta de saída involuntária de faixa. 

A segunda geração do C4, lançada em 2010, estava disponível em versões de 5 portas e 4 portas, sendo esta última para mercados fora da europa. Representou o melhor compromisso do segmento graças ao conforto inigualável combinado com uma forte componente de equipamentos tecnológicos, um design elegante e motorizações eficientes.

As gerações C4 de 2004 e 2010 representam toda a versatilidade que se poderia esperar numa berlina compacta. Em termos comerciais, as duas gerações totalizaram mais 2.941.000 unidades vendidas.

Citroën C4 Cactus

Apresentado em 2014, o C4 Cactus é uma afirmação de inovação e ousadia, uma verdadeira alternativa às berlinas compactas clássicas. A sua filosofia permite, de facto, uma abordagem diferente: um design robusto, fluido e orgânico, pontilhado com elementos gráficos funcionais, como os Airbump® ou as proteções nos guarda-lamas, um habitáculo espaçoso e tecnológico e um elevado nível de conforto. O fator conforto foi a “arma secreta” da segunda geração do C4 Cactus, lançada em 2018, cujos padrões de conforto foram reforçados por importantes inovações: por um lado, a suspensão com Batentes Hidráulicos Progressivos® – que proporcionam uma nova abordagem à sensação de viajar num tapete voador – e, por outro lado, os Bancos Advanced Comfort que acolhem os ocupantes num ambiente suave e tranquilo, num verdadeiro convite para viajar. Com mais de 440 mil unidades vendidas até ao momento, o C4 Cactus inaugurou o atual conceito de design Citroën e permanecerá na história da Marca reunindo todos os elementos que fazem um modelo 100% Citroën.

Novos Citroën C4 e ë-C4

Os novos Citroën C4 e ë-C4 propõem uma nova forma de encarar as berlinas, com referências, estéticas e técnicas, a modelos clássicos da Marca, como o Citroen GS. O resultado consiste num automóvel que combina a elegância e o dinamismo que caracterizam as berlinas com a versatilidade e o espírito de aventura dos SUV.

A nova geração do C4 torna-se embaixadora, ao melhor nível, do programa exclusivo “Citroen Advanced Comfort”, ao conjugar inovações como os Bancos Advanced Comfort ou a suspensão com Batentes Hidráulicos Progressivos® com o silêncio e a fluidez da mobilidade elétrica, no caso do Citroën ë-C4. Na vertente tecnológica, este novo modelo possui 20 sistemas de ajuda à condução, incluindo o “Highway Driver Assist” (condução autónoma de nível 2) e “head up display”, uma referência em conforto visual

No campo da personalização, o novo Citroën C4 permite escolher entre 31 combinações exteriores diferentes, com 7 cores de carroçaria, 5 packs de cores e 5 ambientes interiores.

PUBLICIDADE

24h LIVE STATS

  • 1,034,939
  • 21,309

LANGUAGE

Em destaque

error: Content is protected !!